Você Conhece Todas?

27 Nov 2018 05:42
Tags

Back to list of posts

[[image https://fthmb.tqn.com/FiabMGRnGsDWtb_Gqfrf9akiChg=/800x0/filters:no_upscale()/tax2-socialmedia-57f7af3ba00c18a042691bc1.png"/>

<h1>Como Atrair Mais Visitantes Pro Blog Da Tua Corpora&ccedil;&atilde;o?</h1>

<p>Gabriela Pugliesi &eacute; modelo, neste instante fez trabalhos na tv e &eacute; uma digital influencer . Tua conta no Instagram tem mais de 3 milh&otilde;es de seguidores e por l&aacute; ela compartilha momentos da rotina saud&aacute;vel, com fotos e videos de exerc&iacute;cios. Pouco tempo atr&aacute;s, ela teve o nome envolvido em uma pol&ecirc;mica.</p>

<p>O assunto abre uma discuss&atilde;o: qual o limite da atua&ccedil;&atilde;o destas musas e blogueiras fitness ? Elas s&atilde;o famosas e seguidas por muita gente em eventos e redes sociais. At&eacute; que ponto isso &eacute; saud&aacute;vel e quando podes ser danoso? Conversamos com educadores f&iacute;sicos sobre o conte&uacute;do. Influ&ecirc;ncia legal ou desagrad&aacute;vel?</p>

<p>Procurar inspira&ccedil;&atilde;o em uma famosa que tenha um corpo que voc&ecirc; considera elegante e segue um estilo de vida saud&aacute;vel n&atilde;o faz mal e agora existe desde de muito antes do boom das redes sociais ou da internet. Gustavo Almeida, profissional em educa&ccedil;&atilde;o f&iacute;sica e administrador e Diretor Executivo da Fitness Brasil. De acordo com Andr&eacute; Fernandes, presidente do CREF1, a quest&atilde;o est&aacute; em como perceber estas musas e blogueiras.</p>
<ul>

<li>Pressione CTRL+C (ou bot&atilde;o direito, “Copiar”) pra copiar todo o c&oacute;digo</li>

<li>quinze - Loja de vinhos</li>

<li>oito - Otimiza&ccedil;&atilde;o</li>

<li>Quais s&atilde;o os artigos mais acessados e qual &eacute; a quantidade de visitas que eles recebem</li>

<li>Brasil do Bem - Atual: Janeisa Tom&aacute;s</li>

<li>Podes sair bem mais barato do que a maioria das op&ccedil;&otilde;es de e-commerce dispon&iacute;veis</li>

</ul>

<p>Sendo assim, cabe ao seguidor colocar os devidos pesos naquilo que v&ecirc; nas m&iacute;dias sociais. O educador ainda ressalta que as blogueiras precisam ter percep&ccedil;&atilde;o do poder de alcance antes de postar algo. Gustavo. &quot;Eu n&atilde;o concordo com pessoas que fazem a fun&ccedil;&atilde;o na qual n&atilde;o possuem forma&ccedil;&atilde;o profissional&quot;, continua.</p>

<p>Por este pontos, os dois profissionais pensam da mesma forma. Andr&eacute;. &quot;Se voc&ecirc; quer uma dieta procure um nutricionista. Se quer fazer exerc&iacute;cios procure um Profissional de Educa&ccedil;&atilde;o F&iacute;sica registro no Conselho Regional de Educa&ccedil;&atilde;o F&iacute;sica&quot;, orienta ele. Segundo Gustavo, n&atilde;o &eacute; necess&aacute;rio parar de escoltar as blogueiras ou musas, mas vale tomar alguns cuidados. Para ele, os blogueiros no geral assim como poderiam tomar mais cuidados.</p>

<p>A ideia &eacute; usar as musas, seja Gabriela Pugliesi ou qualquer atriz ou famosa, como uma inspira&ccedil;&atilde;o, por&eacute;m n&atilde;o uma verdade absoluta. Entrar em maneira, procurar uma alimenta&ccedil;&atilde;o mais saudavel ou variar h&aacute;bitos s&atilde;o quest&otilde;es bem individuais. O caf&eacute; da manh&atilde; da musa poder&aacute; n&atilde;o ter nada a olhar com as necessidades do seguidor.</p>

<p>O que n&atilde;o significa que v&atilde;o acontecer. Portanto mesmo, a &uacute;nica suspeita que eu arrisco &eacute; que em 2028 ainda contaremos boas hist&oacute;rias. Criaremos novos universos, imaginaremos recentes realidades. Visto que essa &eacute; a &uacute;nica for&ccedil;a que de fato nos leva adiante: a nossa experi&ecirc;ncia infinita de pensar com o futuro. Como imediatamente dizia o s&aacute;bio, &eacute; muito dif&iacute;cil fazer profecias, especialmente sobre o futuro. Mesmo lidando com ci&ecirc;ncia, onde tend&ecirc;ncias se projetam com facilidade e cronogramas oferecem um vislumbre do que est&aacute; por vir. Todavia, vamos l&aacute;, no que oferece pra apostar? Estamos sozinhos no Universo? Em 2020, partir&aacute; pra Marte o jipe rob&oacute;tico europeu ExoMars. Tua incumb&ecirc;ncia ser&aacute; achar evid&ecirc;ncias de vida presente ou passada no planeta vermelho. E mesmo que ele s&oacute; ache f&oacute;sseis de bact&eacute;rias com 4 bilh&otilde;es de anos, encontr&aacute;-las no planeta vizinho nos levaria &agrave; conclus&atilde;o de que precisa existir muitas algumas biosferas l&aacute; fora, s&oacute; esperando pra ser descobertas. No conclus&atilde;o dos anos 1960, com as miss&otilde;es Apollo &agrave; Lua, parecia que a humanidade estava destinada a conquistar as estrelas.</p>

<p>Entretanto nos &uacute;ltimos quarenta e cinco anos, tudo que os astronautas fizeram foi conceder voltinhas em volta da Terra. Felizmente, em tempos novas, as ag&ecirc;ncias espaciais resolveram esticar os horizontes. Prontamente h&aacute; planos pra constru&ccedil;&atilde;o de uma esta&ccedil;&atilde;o orbital em volta da Lua, e &eacute; uma aposta razo&aacute;vel que em mais 7 anos teremos humanos de volta ao espa&ccedil;o profundo. Sempre que isto, a outra revolu&ccedil;&atilde;o impulsionada por Musk -a dos carros el&eacute;tricos- deve estar de vento em popa.</p>

<p>Em 2028, mais da metade dos autom&oacute;veis novos vendidos precisam ser el&eacute;tricos e v&atilde;o se autodirigir. Por&eacute;m intelig&ecirc;ncia artificial equivalente &agrave; humana ainda levar&aacute; um cadinho mais. Os homens, depois de 4.000 anos de ditadura na &aacute;rea da sexualidade, foram finalmente alijados do poder e est&atilde;o tendo de conviver com teu novo territ&oacute;rio pela comunidade.</p>

<p>Alguns ainda n&atilde;o se acostumaram a ouvir fiu-fius pela estrada e fingir que n&atilde;o &eacute; com eles. A velha posi&ccedil;&atilde;o do papai-mam&atilde;e foi banida e substitu&iacute;da pela do mam&atilde;e-papai. E os que se queixam de que foram relegados a uma mera fun&ccedil;&atilde;o reprodutiva &eacute; por causa de n&atilde;o perceberam que a ci&ecirc;ncia est&aacute; com o prop&oacute;sito de dispens&aacute;-los assim como desta utilidade.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License